Quem é Érika Ribeiro, a jovem iporaense que está participando do THE VOICE BRASIL?

Essa jovem cantora iporaense está participando do THE VOICE BRASIL, um programa que seleciona cantores de todo o Brasil e Érika está participando desta edição, e o que nos orgulha muito é ver ela dizer de peito cheio que é de uma cidade no interior de Goiás, Iporá.

 

A pergunta que não quer calar hoje em nossa cidade: Quem é Erika Ribeiro?

E nós fomos atrás dessas respostas. Juntamos todos os nossos Hackers e descobrimos quem é sua irmã, Isadora Ribeiro ( @isadoraaribeiroo ), que nos ajudou a contar um pouco da história dessa menina que irá encantar o Brasil com sua voz.

 

Érika nasceu em Iporá no ano de 1993, ela é filha de Walker Ribeiro (mora em Iporá a vida toda), sua mãe é Carla Costa (mora em Goiânia atualmente), Érika é neta da dona Alcy (94 anos, uma das primeiras moradoras da Vila Itajubá), é irmã de Isadora Ribeiro, Marina e Estêvão Menezes (Estêvão e Marina são filhos da Liliana Menezes, filha do Dr. César e dona Ielsa, Liliana é esposa do Walker pai da Érika, eles se casaram quando todos os filhos ainda eram pequenos e desde então moraram todos juntos, em família). Estudou no Colégio Integração quando morava em Iporá, escola que despertou o apreço pelas letras e o domínio da língua portuguesa com muita excelência para as composições. Érika morou em Iporá até 2011, quando se mudou para Barra do Garças para cursar Direito na Faculdade Catedral.

 

A vocação para a música nasceu em casa, sua mãe canta e seu pai é um grande apreciador da música. Érika começou a tocar violão aos 7 anos, fez aulas de piano em Iporá e tocava na Igreja Batista desde muito nova, igreja que seu pai frequenta desde sua mocidade até hoje.

 

“Érika sempre foi extremamente musical, mas muito tímida, tocava mesmo na igreja e pra poucas pessoas da família. Quando nos mudamos para Barra do Garças eu fui fazer Engenharia Civil na UFMT, conheci a Luiza que estudava comigo e tinha as mesmas referências musicais que nós (Samba, MPB, Bossa Nova...), a gente sempre se reunia para tocar em casa nos finais de semana e nos intervalos da faculdade. Logo, o pessoal começou a nos chamar para tocar, dar palhinha em alguns restaurantes, e sem pretensão nenhuma, montamos o Flor de Lis, um trio de samba e MPB que foi a primeira experiência profissional da Érika. O negócio tomou uma proporção maior do que a gente imaginava, cantávamos nos melhores eventos da cidade, fomos chamadas pra cantar em Cuiabá, Nova Xavantina e outras cidades.

 

Para mim e pra Luiza sempre foi um hobby, pra Érika sempre foi diferente. Pouco tempo depois, com o final da faculdade, tcc e tal, eu e a Luiza fomos parando e ela continuando. Se formou em Direito mas continuou se apresentando.

 

Após formada, veio pra Goiânia estudar para concursos e há 2 anos, decidiu investir só na carreira musical. Hoje mora em Goiânia, se apresenta em bares e restaurantes daqui, ela está gravando o primeiro disco que deve sair no começo do ano que vem, o canal no You Tube e a página do Spotify já tem registros de suas músicas autorais. A Érika no começo do Flor de Lis ela só tocava, não tinha coragem de cantar em público de jeito nenhum, várias vezes eu tirava o microfone da minha boca pra ver ela soltar a voz e assim ela foi se soltando aos poucos e hoje ela está no THE VOICE BRASIL" - disse sua irmã, Isadora Ribeiro.

Siga a Érika em suas redes sociais Instagram: @aerikaribeiro

YouTube: Érika Ribeiro

Spotify: Érika Ribeiro

Fonte: Departamento de Comunicação

Data de publicação: 05/11/2021

Compartilhe!