Um grupo de pessoas formadoras de opiniões, realizaram uma visita ao centro de captação de agua da SANEAGO, de onde e extraída a agua que abastece a cidade de Iporá GO.

A situação requer preocupação e atenção de todos, pois o Ribeirão está diminuindo acentuadamente sua capacidade de fornecimento de agua.

A vazão apresentada hoje é de 608,64 litros de água por segundo, sendo que a um mês atrás essa mesma vazão era de 1.128,87 litros de água por segundo, ficou constatado um diminuição de 45% no volume de água que verte sobre a barragem de onde a Saneago capta a água para abastecer a cidade de Iporá GO.

Saneago e um grupo de ambientalistas foram mais uma vez a barragem para medição da vazão. Isso tem sido feito mensalmente, para verificar as condições de um córrego que na estiagem passada chegou a não conseguir abastecer plenamente a cidade.

Na visita feita a barragem na tarde desta terça-feira estavam o chefe da regional da Saneago, João José Gomes Dias; secretário de meio ambiente, Alexandre Teixeira; dois vereadores, Marinho da Mata e Paulo Alves; e representantes de unidades de ensino: professor Fonseca e Marluce Caetano (FAI), Saulo Henrique e Alex Batista Moreira Rios (UEG) e Dérick Martins, fiscal da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Secima), Imprensa local além de outras pessoas.

Essas ocasiões mensais de visita a barragem são também para troca de informações sobre o que tem sido feito para a recuperação da bacia do córrego que abastece a cidade. Alexandre Teixeira, o secretário de meio ambiente no município, informou que o cronograma de ações continua em desenvolvimento, agora com breve fiscalização conjunta na bacia, a ser feita por PM ambiental, Secima e a própria Saneago para impedir o uso irregular da água do córrego Santo Antônio. Disse sobre dois cursos na área ambiental: um já realizado sobre preservação de nascentes e outro datado para julho sobre recuperação de matas ciliares.

Alexandre Teixeira disse que um levantamento anterior que o Ministério Público fez sobre a bacia do Santo Antônio está agora de posse da secretaria e tem sido útil no trabalho de recuperação.

Está marcada para os primeiros dias de julho (daqui 30 dias) uma nova visita, medição e avaliação sobre a situação do Santo Antônio, manancial que abastece a cidade.

Iporá, o futuro é agora!

Fiquem atentos! O período chuvoso está de volta, e o mosquito da Dengue entra em ação, vamos continuar firmes junto com a Prefeitura Municipal na luta contra esse mal. Faça sua parte, ajude a combater o mosquito. Colabore também não colocando o lixo em árvores, ou nos canteiros centrais, utilize as lixeiras da Prefeitura ou Particulares. FAÇA A SUA PARTE!

Prefeitura Municipal de Iporá…O FUTURO É AGORA!